quarta-feira, 22 de agosto de 2018

Sopa de peixe (com tapioca)

Sopa de peixe é para mim sinónimo de comida de conforto, com um sabor super apurado.
Esta sopa costumava fazê-la numa versão com massa (podem ver a receita aqui), mas como tenho reduzido o seu consumo optei por juntar antes tapioca granulada.


(Serve 4 doses)

Ingredientes:
80g de tapioca granulada
2 postas de maruca
6 camarões grandes
3 dentes de alho picados
10g de gengibre fresco ralado
150g de cebola picada
vinho branco
30g de pimento italiano (ou pimento vermelho)
400g de tomate pelado
azeite
sal
pimenta
coentros

Modo de preparação:
- Cobrir a tapioca com água e deixar hidratar até absorver toda a água (cerca de 30 minutos).

- Cozer a maruca juntamente com o camarão em 2 litros de água temperados com sal.
 Como o camarão coze mais rapidamente é necessário tirá-lo logo que esteja cozido.
-Reservar o caldo da cozedura.
- Desfiar a maruca e retirar todas as peles e espinhas.
- Numa panela aquecer um fio de azeite. 
- Juntar o alho, o gengibre e a cebola picada.
- Deixar fritar um pouco e de seguida regar com vinho branco (usei meio copo).
- Adicionar o pimento cortado em tiras finas e deixar cozinhar mais uns minutos.
- Juntar o tomate pelado em pedaços e deixar ferver cerca de 5 minutos. 
- Dependendo do vosso gosto, podem triturar o refogado com a varinha mágica ou não. Pessoalmente prefiro não triturar.
- Temperar com sal e pimenta.
- Juntar a tapioca e o caldo da cozedura do peixe (podem juntar o caldo todo ou não, dependendo se gostam de uma sopa mais ou menos líquida).
- Deixar ferver mais uns 5 minutos.
- Juntar a maruca desfiada e o camarão.
- Rectificar os temperos e se necessário adicionar mais caldo ou água.
- Polvilhar com os coentros picados.

* Caso sobre caldo da cozedura do peixe podem congelar para usar mais tarde em outras receitas.


quinta-feira, 16 de agosto de 2018

Cogumelos à bulhão pato

Cogumelos à bulhão pato é um prato super rápido de fazer e cheio de sabor.  

Este é um daqueles pratos que resulta bem quer frio quer quente.

Recomendo que utilizem cogumelos frescos para esta receita. Eu gosto de misturar cogumelos marron e portobello. 





Ingredientes:

150g de cogumelos marron cortados em pedaços
1 cogumelo portobello grande cortado em pedaços
4 dentes de alho picados
azeite
sal 
pimenta
coentros grosseiramente picados
1 copo de vinho branco
sumo de limão a gosto

Modo de preparação:

- numa frigideira aquecer 1 fio de azeite.
- adicionar o alho picado.
- quando o alho começar a fritar, juntar o vinho e deixar o álcool evaporar um pouco.
- juntar os cogumelos e deixar cozinhar alguns minutos, até estarem ao vosso gosto. Se necessário podem juntar um pouco mais de vinho.
- temperar com sal e pimenta.
- regar com sumo de limão e polvilhar com os coentros.

quarta-feira, 20 de junho de 2018

Hambúrgueres de quinoa e batata doce

Hoje trago mais uma receita de hambúrgueres vegetarianos. Desta vez de quinoa e batata doce de polpa laranja.
São super rápidos de fazer e dão para congelar. É sempre bom ter estas alternativas no congelador para aqueles dias em que não apetece cozinhar ou estamos com mais pressa.


Ingredientes:


-1 batata doce cozida (grande)
-Quinoa previamente cozida (usei uma mistura de 3 quinoas: dourada, vermelha e preta) na mesma quantidade que a batata doce
-1/4 cebola roxa picada
-1 c.sobremesa de cominhos em pó
- 1cm de curcuma fresca ralada (podem usar 1c.chá de açafrão em pó)
-sal
-pimenta
-mistura de sementes ao vosso gosto (usei sementes de sésamo e de papoila).


Modo de preparação:

- Reduzir a batata doce a puré.
- Juntar a quinoa, a cebola roxa, os cominhos, a curcuma,  sal e pimenta e misturar bem.
- Levar ao frigorífico pelo menos 1 hora.
- Formar hambúrgueres e passar pelas sementes.

Estes hambúrgueres ficam bastante molinhos, pelo que se não forem especialmente talentosos na arte de virar hambúrgueres na frigideira, sugiro que em vez de grelhar ou fritar, optem antes por colocar cerca de 20 minutos no forno a 180ºc.






sexta-feira, 15 de junho de 2018

Pataniscas de bacalhau (Paleo)



Eu sei, eu sei .... waffles outra vez! Em minha defesa são pataniscas em forma de waffle, só isso! :P

Rende 8 pataniscas


Ingredientes:


150g de bacalhau demolhado e desfiado
1/4 cebola picada
pimenta preta
2 ovos XL
50g de farinha de mandioca
coentros picados
5 azeitonas pretas picadas
óleo de coco
sal
azeite

Modo de preparação:

- Aquecer o azeite numa frigideira e adicionar a cebola. Deixar cozinhar até estar mole.
- Juntar o bacalhau e refogar alguns minutos.
- Temperar com sal e pimenta.
- Deixar arrefecer um pouco.
- Numa taça misturar o bacalhau refogado, os ovos, a farinha de mandioca, os coentros e as azeitonas.
- Aquecer a máquina de waffles e pincelar com óleo de coco.
- Quando estiver quente, deitar colheradas de massa e deixar cozinhar até as pataniscas estarem douradas.

quinta-feira, 14 de junho de 2018

Waffles de grão

A minha máquina de waffles esteve mais de um ano sem sair da despensa e agora não lhe dou descanso!
Correndo o risco de ser repetitiva, hoje trago uma receita de.... waffles! Estes são salgados.
Fiz para o meu pré-treino (Summer Wod) de ontem.


Ingredientes:

1 ovo
100g de farinha de grão*
1 c.chá de curcuma fresca ralada
100g de bebida vegetal (usei de amêndoa)
sal 
coentros picados a gosto

* Caso tenham Bimby ou outro robot de cozinha semelhante, podem fazer a vossa própria farinha de grão. Basta colocar 100g de grão de bico seco no copo e triturar na velocidade 10 , até ficar totalmente reduzido a farinha.

Modo de preparação:

- Misturar bem os ingredientes com a varinha mágica.
- Untar a máquina de waffles com óleo de coco e deixar aquecer bem.
- Colocar colheradas de massa na máquina e deixar cozinhar até os waffles ficarem douradinhos.

Servi estes Waffles com Húmus de grão com sementes de sésamo, curcuma ralada e raspa de lima, biovivos de ervilha, queijo feta e mirtilos. 
Acompanhei com o batido mais bonito de todos os tempos! Batido de banana, bebida de amêndoa e ... couve roxa! O batido fica a saber somente a banana, mas fica com uma cor LINDA!


quarta-feira, 13 de junho de 2018

Waffles de aveia e farinha de ananás

Domingo é quase sempre de sinónimo de pequeno-almoço mais demorado. Aproveito sempre para testar uma nova receita de Waffles ou panquecas

Este Domingo que passou foi dia de waffles de aveia e farinha de ananás.


Ingredientes:

1 ovo 
1 banana madura
30g de farinha de ananás*
70g de farinha de aveia
150g de bebida vegetal (usei de amêndoa)
20g de mistura despertar do buda - OPCIONAL(trigo Sarraceno moído, Amêndoa moída, Lucuma em pó, Sementes de Chia moídas, Sementes de Linhaça moídas, Açúcar de Coco, Trigo Sarraceno ativado, Maca em pó, Baunilha em pó) 




Modo de preparação:


- Misturar todos os ingredientes com a ajuda da varinha mágica
- Colocar colheradas da mistura, na máquina de waffles untada com óleo de coco e deixar cozinhar até os waffles ficarem dourados.



*podem trocar os 30g da farinha de ananás por farinha de aveia ou qualquer outra ao vosso gosto.


Estes waffles foram servidos com iogurte natural sem lactose, cerejas, framboesas, morangos, mirtilos, alperces caramelizados.

terça-feira, 5 de junho de 2018

Bolinhas energéticas

Estas bolinhas energéticas são uma pequena delícia e super fáceis de fazer.




Ingredientes:

cobertura:
25g pistáchios
10g bagas de goji
15g morangos desidratados
30g nozes

recheio:
250g tâmaras sem caroço
30g arandos
50g farinha de amêndoa
20g farinha de aveia



Modo de preparação: 

- Triturar os pistácios, as bagas de goji, os morangos desidratados e as nozes. Reservar.
- Colocar as tâmaras numa taça e cobrir com água a ferver. Deixar repousar cerca de 1 hora.
- Escorrer bem a água.
- Triturar as tâmaras e os arandos.
- Juntar as farinhas de aveia e amêndoa e misturar bem.
- Formar bolinhas com esta mistura e passar pela cobertura, pressionando ligeiramente .
- Levar ao frigorífico pelo menos 1 hora.
- Para ser mais simples de transportar na lancheira, envolvi as bolinhas em película aderente.

Rende 16 bolinhas de 20g cada.